Aplicação do método de Monte Carlo para o problema de ligações mistas em uma rede cúbica

J. B. Santos Filho, D. F. de Albuquerque, A. S. Arruda, N. O. Moreno

Resumo


A transição de fase do modelo de Ising com ligações mistas (Mixed-bond) numa rede cúbica é estudadatanto numericamente com analiticamente. Analiticamente estudos do modelo de Ising mixed-bond atravésde técnica de grupo de renormalização predizem a existência de reentrâncias magnéticas em certos valoresdo parâmetro de competição α (α positivo). Este fenômeno é tipicamente encontrado em sistemas (aexemplo do composto EupSr1-p) que apresentam fase vidro-de-spin (spin-glass). Neste trabalho, usamos oalgoritmo cluster de Wolff para simular a dinâmica do sistema e obter as quantidades termodinâmicasmagnetização e susceptibilidade magnética. A temperatura crítica do sistema foi estimada do máximo desusceptibilidade e com estes valores construímos o diagrama de fase Tc versus p para diferentes valores deα (α > 0 ). Nossos resultados foram comparados como aqueles obtidos pelo método de teoria de campoefetivo que emprega uma distribuição de probabilidade similar dentro de uma estrutura de cluster comdois spins.

Palavras-chave


Monte Carlo, Teoria de Campo Efetivo, Modelo de Ising

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.