Estudo experimental da fluidodinâmica do bagaço de laranja em leito fluidizado

Manoel Marcelo do Prado, Thaís Logetto Caetité Gomes, Jonathan Santana Lobo, Tammyris Emanuella Alves Carvalho

Resumo


A laranja é uma das frutas mais utilizadas mundialmente para a produção de suco, sendo 50% dela descartada na forma de bagaço. Para o aproveitamento desse resíduo como biomassa para a geração de energia é necessária a redução do seu elevado teor de umidade. Visando avaliar o potencial uso da técnica de leito fluidizado para a secagem do bagaço de laranja, é de fundamental importância compreender o comportamento fluidodinâmico do material dentro do leito, no intuito de conhecer a capacidade de processamento e as condições de operações ótimas do equipamento. Logo, neste trabalho foram determinadas as características fluidodinâmicas do bagaço de laranja em leito fluidizado convencional, avaliando-se como os parâmetros de fluidização foram influenciados pelo tamanho de partícula e carga do material no leito. Os ensaios fluidodinâmicos foram realizados com cargas do leito de 400, 700 e 1000 g, e diâmetros médios de partícula de 1,55; 1,85 e 2,58 mm. Ao aumentar o diâmetro da partícula de 1,55 para 2,58 mm, a velocidade de mínima fluidização (vmf) aumentou de 1,36 para 1,83 m/s. Apesar de requererem uma maior velocidade do ar para começar a fluidizar, partículas com diâmetro de 2,58 mm apresentaram o maior índice de fluidização e o menor número de Froude, sendo as mais adequadas para a operação em leito fluidizado. Ao aumentar a carga de partículas de 2,58 mm alimentadas no leito de 0,4 para 1 kg, houve um aumento de 126% na queda de pressão de mínima fluidização. Entretanto, nenhuma variação significativa foi verificada em vmf.

Palavras-chave


bagaço de laranja, leito fluidizado, velocidade de mínina fluidização

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14808/sci.plena.2016.054211

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Manoel Marcelo do Prado
Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.