Análise exploratória de simulações sociais computacionais por meio de estatística multivariada e mapas auto-organizáveis

Marcos Aurélio Santos da Silva, Andréia Vieira Santos, Márcia Helena Galina, Sonise dos Santos Medeiros, Márcio Rogers Melo de Almeida

Resumo


Este trabalho teve como objetivo a aplicação da análise de componentes principais, da análise de agrupamentos pelo método hierárquico aglomerativo e da rede neural do tipo Mapa Auto-Organizável de Kohonen na análise exploratória de resultados de simulações sociais computacionais do sistema socioterritorial “Território Rural Sul Sergipano”.  A metodologia basea-se na Sociologia da Ação Organizada e no método Soclab.  As análises estatísticas mostraram que as simulações do sistema socioterritorial geraram resultados que confirmam a tendência do sistema à estabilidade.  No entanto, observou-se,  por meio da rede neural, que há diferenças, ainda que pequenas, entre as situações que levam o sistema à estabilidade.

Palavras-chave


sistema socioterritorial; redes neurais artificiais; teoria social

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14808/sci.plena.2016.071301

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.