DETERMINAÇÃO DA CURVA PARCIAL DE RETENÇÃO DE ÁGUA DE UM LATOSSOLO VERMELHO POR TENSIOMÊTRIA

Ana Paula Silva Almeida, Fernando Silva Araújo, Gustavo Soares de Souza

Resumo


<!-- /* Font Definitions */ @font-face {font-family:"Cambria Math"; panose-1:2 4 5 3 5 4 6 3 2 4; mso-font-charset:0; mso-generic-font-family:roman; mso-font-pitch:variable; mso-font-signature:-1610611985 1107304683 0 0 415 0;} /* Style Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-unhide:no; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:""; margin:0cm; margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:"Times New Roman","serif"; mso-fareast-font-family:"Times New Roman"; mso-ansi-language:EN-GB; mso-fareast-language:EN-US;} p.SPabstract, li.SPabstract, div.SPabstract {mso-style-name:SP_abstract; mso-style-unhide:no; mso-style-parent:""; mso-style-next:Normal; margin-top:0cm; margin-right:0cm; margin-bottom:3.0pt; margin-left:0cm; text-align:justify; mso-pagination:widow-orphan; border:none; mso-border-top-alt:solid windowtext .5pt; padding:0cm; mso-padding-alt:10.0pt 0cm 0cm 0cm; font-size:10.0pt; font-family:"Times New Roman","serif"; mso-fareast-font-family:"Times New Roman"; mso-ansi-language:EN-US; mso-fareast-language:EN-US;} .MsoChpDefault {mso-style-type:export-only; mso-default-props:yes; font-size:10.0pt; mso-ansi-font-size:10.0pt; mso-bidi-font-size:10.0pt;} @page WordSection1 {size:612.0pt 792.0pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:36.0pt; mso-footer-margin:36.0pt; mso-paper-source:0;} div.WordSection1 {page:WordSection1;} -->

O conhecimento e o monitoramento da dinâmica da água no solo são fundamentais para o manejo racional dos recursos hídricos, principalmente, em áreas sob agricultura irrigada. Esse trabalho teve por objetivo mensurar a tensão de água em um LATOSSOLO VERMELHO Distroférrico, por meio do uso de tensiometria, para determinar a curva de retenção de água no solo. O experimento foi conduzido no Campo Experimental da Faculdade de Engenharia Agrícola da UNICAMP, situado no município de Campinas (SP), com coordenadas geográficas 22º 48’57”de latitude sul e 47º03 33” de longitude oeste, e altitude média local de 640 m. Onde os materiais utilizados em laboratório foram vaso plástico (1,4 dm-3), peneira de 2 mm, balança semi-analítica (precisão de duas casas decimais), utensílios de plástico, estufa de circulação forçada, tensiômetro, tensímetro digital, água natural e amostras deformadas de solo na profundidade de 0,00-0,20 m. A partir dos valores obtidos realizou-se o ajuste da curva parcial de retenção de água no solo. O ajuste da CRAS apresentou uma umidade de saturação de 0,44 m3 m-3 e uma umidade residual de 0,112 m3 m-3 com um coeficiente de ajuste de 99%, apresentando uma correlação significativa (p>0,01) entre os valores de umidade obtidos e os valores de tensão de água no solo medidos. O tensiomêtro mostrou-se eficiente na mensuração dos potenciais de retenção de água no solo; a curva de retenção de água no solo obtida por meio do tensiômetro pode ser utilizada com eficiência no manejo da irrigação em áreas agrícolas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.