Uso de biofilme de amido à base de própolis vermelha para a conservação de folhas de alface (Lactuca sativa)

Yzila Liziane Farias Maia, Carolina Oliveira de Souza, Janice Izabel Druzian, Francine Ferreira Padilha, Sara Cuadros Orellana

Resumo


A própolis é uma mistura de substâncias resinosas e balsâmicas que abelhas da espécie Apis mellifera L. coletam de várias plantas e levam até a colmeia. Esta resina tem sido amplamente utilizada para aplicações médicas, o que resulta no aumento do interesse por sua composição química, bem como por sua origem botânica e pode ser encontrado em muitas regiões do mundo, apresentando grande variação de composição química e biológica. A contaminação microbiológica em alimentos é uma das preocupações mais relevantes para a saúde pública, considerando os elevados índices de doenças provocadas por microrganismos patogênicos. As hortaliças são parte integrante da dieta da população mundial, sendo a alface uma hortaliça cosmopolita de grande preferência pelos consumidores. Uma alternativa viável de redução microbiana em frutas e hortaliças é a proteção durante o transporte e armazenamento com biofilmes biodegradáveis. Nesse trabalho foi investigado o potencial antimicrobiano de biofilme de amido incorporado com própolis vermelha, utilizado como embalagem protetora de folhas de alface. Foi realizado o teste de sensibilidade antimicrobiana de 10 extratos de própolis frente à Bacillus cereus. A contagem de B.cereus nas folhas de alface ocorreu após os tempos 0, 2 e 5 dias de armazenamento. O rendimento dos extratos hidroalcoólicos de própolis variou de 9,45% a 74,62%. Os resultados indicaram ação antibacteriana do biofilme incorporado com própolis vermelha frente à Bacillus cereus e que a incorporação desse extrato na concentração de 5% foi eficaz contra esta bactéria muito encontrada em água de irrigação de hortaliças.

Palavras-chave


Antibacteriano; alimento; bioproduto.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.